28.7.14

António Almeida é o novo homem forte da Rádio Lafões
CRONISTAS FORAM A BANHOS 
E ARRISCAM FICAR EM "BANHO MARIA"
A Rádio Lafões, estação sediada em São Pedro do Sul, e que emite a partir desta cidade, cobre uma vasta região muito para lá dos concelhos de Lafões. Os últimos tempos têm-se caracterizado pela tensão indisfarçável com a Câmara local. Para tanto, terá contribuído - e em muito - o corte de publicidade da empresa municipal Termalistur. A situação conflituou ainda mais quando esta rádio começou a transmitir um programa diário de crónicas de opinião da responsabilidade alternada de cinco figuras da política sampedrense. Curiosamente, e ao contrário do que seria suposto, o executivo PS, com um ex-Presidente, dois ex-candidatos a Presidente e outro ex-candidato a Presidente da Assembleia Municipal a militar nas crónicas, sente-se injustiçado pelo pendor crítico ao desempenho do actual Presidente.

Na passada semana foram eleitos em Assembleia Geral os novos corpos sociais da Rádio Lafões. António Almeida, que durante muitos anos foi comandante dos Bombeiros de Salvação Pública, é o novo Presidente. Em Setembro ficaremos a saber qual o alinhamento do novo homem forte da estação. É que, até lá os cronistas estão "a banhos". Quando regressarem de cabeça fresca arriscam-se  a ficar em "banho maria", no alguidar de Vítor Figueiredo.

23.7.14

Endividamento das câmaras por habitante dá Lafões a meio da tabela
OLIVEIRA DE FRADES O MAIS BAIXO
VOUZELA O MAIS ALTO
SÃO PEDRO DO SUL AO MEIO
Nos últimos dados revelados no Portal de Transparência Municipal, referentes a 2013, no distrito de Viseu os habitantes do concelho de Tabuaço são os que mais devem. Isto se a dívida camarária fosse distribuída per capita, ou seja, 2,12 milhares de Euros por habitante. Em metade das câmaras do distrito os habitantes devem mais de mil Euros cada. Em Lafões, apenas Vouzela ultrapassa essa fasquia. Dos que estão abaixo o primeiro lugar vai para Penedono - estes habitantes são os únicos no País com dívida per capita irrelevante. A maior surpresa no distrito será Viseu. Os  habitantes deste concelho devem 335,08 Euros cada um. Uma revelação curiosa para uma câmara que se apresenta com dinheiro a prazo.

Nos concelhos de Lafões,  Oliveira de Frades com 535,80 Euros, São Pedro do Sul com 816,12 Euros e Vouzela com 1,11 milhares de euros, situam-se a meio da tabela nacional. Mas o destaque vai sem dúvida para a capital do frango do campo.

Um segredo de duas patas. É que, a par do Euro e do Franco Suíço, o Frango de Oliveira já  entrou na grande roda das moedas fortes da Europa!

20.7.14

Estacionamento reduzido para 100 lugares
LIGAÇÃO À ESTRADA 227 
ESTARÁ CONCLUÍDA NO FINAL DO ANO
 
A obra de ligação da rotunda Sá Carneiro, em São Pedro do Sul, à estrada 227, entregue à empresa Montalvia Construtora, S.A., estará concluída até ao final de Dezembro. Os trabalhos iniciaram-se este mês e o caderno de encargos do concurso obriga à conclusão da obra no prazo de 180 dias.

Dos 150 lugares previstos quando do lançamento do projecto, e que já haviam sido anunciados por Vítor Figueiredo durante a última campanha eleitoral autárquica, a Câmara anuncia agora que serão cerca de uma centena. Uma ligeira redução de 33%, que poderá ter uma explicação mais do que óbvia. O número de 150 lugares de estacionamento apresentado na campanha, e mais tarde no lançamento do projecto, já tinha o IVA incluído, enquanto que aos 100 agora anunciados acresce o IVA.

Ou seja, contas feitas, a diferença é tão só de 27 lugares!...

17.7.14

Assembleia Municipal de consenso exemplar
VÍTOR BARROS ANUNCIA

UNANIMIDADE RECORD
Em artigo de opinião no jornal Gazeta da Beira, o Presidente da Assembleia Municipal de São Pedro do Sul destaca o bom comportamento da oposição PSD (único partido com representação naquele órgão), que na última reunião votou por unanimidade todos os pontos da ordem de trabalhos. Uma situação estranha, se tivermos em conta que quase metade dos eleitos representam a oposição. Vítor Barros sublinha o facto como inédito, que nunca terá acontecido na história do município.

Este comportamento inquieta cada vez mais a maior parte da bancada PSD. Ester Vargas, líder parlamentar, tem sido porta voz desse descontentamento, pelo facto da liderança do partido exigir consonância com a votação unânime dos vereadores da oposição no executivo. Do outro lado da "barricada", Vítor Figueiredo e Vítor Barros sentem-se cada vez  mais cómodos.

Se as duas bancadas tocam no mesmo tom, nem precisam de batuta.

14.7.14

Eleições realizaram-se no início do mês 
PSD DE SÃO PEDRO DO SUL COM DOIS REPRESENTANTES NA COMISSÃO POLÍTICA DISTRITAL

As eleições para a comissão política distrital do PSD realizaram-se no passado dia 5 deste mês. Segundo o jornal Noticias de Lafões, o PSD local vai ter dois militantes a integrar aquele órgão político partidário. Adriano Azevedo, ex-candidato à Câmara de São Pedro do Sul, e Paulo Páscoa, também destacado militante do PSD local, representarão o concelho na estrutura distrital do partido. 

A um ano de eleições legislativas, e a três das próximas autárquicas, o PSD local já se movimenta. Para já, assegurando influências que poderão ser decisivas para as próximas escolhas das candidaturas à Assembleia da República, ou mesmo às próximas eleições autárquicas que se realizarão em 2017.  

11.7.14

Redução galopante da dívida camarária
OS MILHÕES DO PRESIDENTE 
E OS MILHÕES DO VEREADOR

Longe vãos os tempos em que Vítor Figueiredo se lamentava que a Câmara de São Pedro do Sul não dispunha de dinheiro para a compra de uma bateria ou de uma coroa de flores. Em Fevereiro deste ano, Pedro Mouro, Vereador das finanças municipais, anunciava na VFM que em Janeiro já havia recuperado dois milhões de Euros de fundos indisponíveis e reduzido a dívida do Município em cinco por cento. Na última Assembleia Municipal foi a vez do Presidente informar os presentes que em oito meses havia reduzido a dívida em dois milhões de Euros. Pedro Mouro não se deixou impressionar e anuncia agora no jornal Noticias de Lafões a redução de um milhão de Euros na divida camarária.

Não fica, no entanto, esclarecido se a disparidade dos dois últimos anúncios se deve a lapso ou se são cumulativos. Se o forem, a este ritmo de milhões, Vítor Figueiredo arrisca-se a terminar o mandato com a dívida transformada em superavit.

Ou, quem sabe, a incentivar a natalidade distribuindo títulos do tesouro pelos casais jovens.
Rui Costa
Homenagens à pressa

9.7.14

Bandeira Pinho ressalva Rogério Duarte  
A "ROGÉRIOMANIA"  
NA OPOSIÇÃO SAMPEDRENSE

 
Na sua última crónica na Lafões (antes de ir de férias - entenda-se), Bandeira Pinho fala da oposição ao executivo de São Pedro do Sul, para constatar que o estatuto do direito de oposição tem sido letra morta no concelho. E, por isso, chega à conclusão que a oposição à política autárquica sampedrense "escafedeu-se". Compara São Pedro do Sul a uma máquina de matraquilhos, que  bate e matraquilha, mas no final ganha sempre a bonecada.
 
Ressalva, no entanto, os despiques de Rogério Duarte nas reuniões de Câmara que, diz o ex-Presidente, o situacionismo já designa de "rogériomania".

Em homenagem ao imaginativo adjectivo, o caricas não resiste à publicação em vídeo de um best of da aludida "rogériomania".

Bandeira Pinho
Rogériomania

7.7.14

CÂMARA DE SÃO PEDRO DO SUL 
VENDE JARDIM BARÃO DE PALME


A Câmara de São Pedro do Sul já procedeu à venda do Jardim Barão de Palme, que se situa em frente ao Solar com o mesmo nome. O terreno, com a área de 1 277 metros quadrados, foi vendido a um promotor imobiliário, por um preço aproximado de 30 Euros o metro quadrado, num total de cerca de 40 000 Euros. O recinto possui, para lá de algumas árvores centenárias (que não sequóias...), construções em pedra típica destes espaços"brasonados", em relação às quais ainda se não conhece o destino.

Sabe-se, no entanto, que a aquisição deste terreno se destina à viabilização da construção de um edifício em altura a levar a cabo num terreno contíguo, pertencente ao mesmo promotor. O projecto desta construção, que irá situar-se em frente ao Centro de Saúde, não foi ainda tornado público. Presume-se, no entanto, que irá contemplar para lá de habitação também lojas e escritórios.

Ao contrário do que aconteceu com este terreno, a Câmara não publicitou ainda os metros quadrados do terreno que adquiriu recentemente junto à antiga cadeia. Sabe-se, apenas, o preço total, pelo que não é possível calcular o preço por metro quadrado. 

E assim, ficamos sem saber se o "segredo" da autarquia está na compra ou  está na venda.
Daniel Martins
Festas da Cidade & Concelhia do PS

2.7.14

Bandeira Pinho dá nova "lição" a Vítor Figueiredo
QUEM TE MANDA SAPATEIRO TOCAR RABECÃO


Como se costuma dizer nas partidas de bola: "ainda mexe"! A homenagem a António Cardoso tem sido tudo menos consensual. E por vários motivos. Na crónica de hoje na Lafões, Bandeira Pinho volta à carga, respondendo à afirmação do Presidente da Câmara de São Pedro do Sul, na última reunião pública. A propósito da aprovação da dita homenagem, e alertado para o não cumprimento do regulamento dos "títulos", Vítor Figueiredo apontou a obrigatoriedade da votação por voto secreto a lapso do próprio documento. E deu mesmo uma desanda aos juristas que por lá passaram.

Bandeira Pinho acusou o toque, para ele um murro no estômago, e não poupou na dissertação sobre o tema, e muito menos nas palavras que dirigiu ao Presidente. "Em jeito de sapateiro a tocar rabecão", disse!

Que culpa tem o pobre sapateiro, lamentamos nós!

30.6.14

ESCOLAS DE SÃO PEDRO DO SUL 
À VENDA NO OLX


Não existem escolas para todos os gostos, mas ainda assim já se encontram à venda no OLX escolas para todos os preços. No site mais conhecido e popular de compra e venda, tudo se vende e tudo se compra. Do simples sofá que se rendeu aos bicos de papagaio, à casota do cão que se foi com a febre da carraça, até ao simples carrinho de um bebé que entretanto se fez homem. Como o anúncio dá a entender, e refazendo o pensamento atribuído a Lavoisier, nos tempos que correm nada se perde, nada se cria, tudo se transforma em "nota".

Assim acontece com quase uma dezena de escolas de São Pedro do Sul. Do Covelo à Bustarenga, de Travanca a Nespereira Alta, os preços variam consoante o estado do edifício.

Uma ideia original para as Juntas de Freguesia extintas. Se a freguesia não tem Junta, de que serve ter uma Sede? Colocada no OLX, sempre permite a um ilustre  lisboeta ter uma casa na província com um pau de bandeira à porta.

O que não deixa de ser um luxo!


ACTUALIZAÇÃO: Os anúncios, entretanto, foram retirados. Há quem aposte que os edifícios foram "arrematados" e levados pela comitiva francesa que visitou as festas da cidade.

...quem sabe se para adornar as rotundas de VILLENEUVE-LE-ROI! 
Daniel Martins
"Boi Alguém"

27.6.14

CÂMARA DE VOUZELA E CTT FORMALIZAM MUDANÇA DO POSTO DE DISTRIBUIÇÃO DE BORDONHOS

Rui Ladeira já assinou com a Administração dos CTT o protocolo que viabiliza a mudança do posto de distribuição de Bordonhos, em São Pedro do Sul, para o Monte Cavalo, em Vouzela. Tal como havia sido anunciado, o novo posto passará a servir os três concelhos de Lafões.

As negociações, que decorreram nos últimos tempos com a Câmara Municipal de Vouzela,  envolveram a colaboração do Município na reabilitação das novas instalações. Este facto terá sido determinante para a mudança agora formalizada.
Rui Costa
Jaime Gralheiro, IMT & Parecer Jurídico

26.6.14

António Carlos Figueiredo "aconselha" Vítor Figueiredo
SE O LADEIRA PASSAR A PERNA
PUXA-LHE A CAMISA

Na crónica de hoje na Lafões, António Carlos Figueiredo faz alusão a "Vouzela capital da vitela de Lafões". Desconfia que é mais fácil encontrar petróleo em Alcofra que um turista encontrar vitela certificada num restaurante de Vouzela, mas desvaloriza o facto por a maioria dos turistas citadinos ter dificuldade em distinguir o bife da alcatra do pernil de porco.

Para o ex-Presidente da Câmara de São Pedro do Sul, o registo da marca não deixa de ser um excelente golpe de markting ligando Vouzela ao prato de vitela, tenha ela rapado na serra do Caramulo ou nas gamelas de ração da Nova Zelândia. E não resiste mesmo a dar um conselho ao  actual Presidente: "Vítor, se o Ladeira tentar passar a perna, puxa-lhe a camisa e mantêm-o a par".

Depois de Bandeira Pinho ter dado uma lição de contas a Vítor Figueiredo é agora a vez de outro ex-Presidente dar um conselho. E já  que estamos em maré de discurso directo, não resistimos em deixar um alerta:

Vítor, abre a "pestana"! Não te fies na virgem porque  eles são tudo, menos dois pastorinhos!


24.6.14

Administração anuncia fim da crise
TERMALISTUR A TODO O VAPOR

 

A administração da Termalistur, empresa municipal que gere as termas de São Pedro do Sul, já anunciou que a crise que se vinha a sentir nos últimos anos... "foi-se"! Pelo menos no que toca à frequência termal.

O movimento descendente que se vinha a verificar inverteu-se e agora a tendência é de crescimento. Óptimas notícias para o movimento económico da região, com destaque para a hotelaria das Termas. Também o emprego directo e indirecto beneficiará desta conjuntura.

Menos convencido está o sector hoteleiro das Termas. Para os industriais de hotelaria, o anúncio da tendência de subida tem motivações políticas. Mas, do outro lado, também há quem garanta que o pessimismo hoteleiro tem motivações de cautela fiscal.

Seja como for, há um facto que fica provado.Tal como acontece com o reumatismo, não há crise que resista às propriedades destas águas termais.
António Ferreira Gomes
Ligação à EN 227

23.6.14

22.6.14

RUI COSTA "TIRA" IMPOSTO MUNICIPAL À CÂMARA


Há muita forma de fazer oposição e a de Rui Costa não deixa de ser original. O candidato à AM de São Pedro do Sul nas últimas autárquicas propôs medidas no âmbito do IMI, as quais chama de equilíbrio, mas que o mais certo seria conduzir a uma diminuição da receita camarária.

Na crónica desta Sexta-feira na Lafões, Rui Costa dá mesmo por extinto o IMT - imposto municipal sobre transmissões -, uma machadada financeira que surpreende vinda de alguém que um dia anunciou a oferta dos seus  préstimos para  resolver as dificuldades financeiras do município.

Na verdade, o IMT só será extinto em 2018, mas Rui Costa persiste na sua imagem de marca política...

...manter-se sempre à frente se si próprio!

18.6.14

Câmara monta palco ao melhor estilo Tarzan... 
QUEM QUER MÚSICA TREPA
 
[Foto: João Damas]
Por simples distracção ou febre de inovação, a Câmara de São Pedro do Sul decidiu este ano mudar a tradicional posição do palco de festas e colocá-lo nas traseiras de duas árvores, virando o traseiro do mesmo para o Café Tropical. As reacções não se fizeram esperar e nas redes sociais acumularam-se os mais irónicos comentários  de incrédulos facebookianos.

Ao aperceber-se do insólito posicionamento, a Câmara terá hesitado entre o corte das duas árvores ou o regresso do palco às origens. O tempo decorreu, os comentários subiram de tom e o espaço de "marcha atrás" foi-se. Daí para a frente, tocar no assunto seria "dar o braço a torcer", pelo que a opção foi o "braço de ferro". Até porque a situação sempre se resolverá com a simples colocação de lianas nas duas árvores. Então, se  "quem quer bolota trepa", porque é que quem quer música não há-de trepar?

Uma coisa se reconhece: a habilidade deste executivo a montar imbróglios está a ficar muito acima daquela que demonstra a montar palcos...